terça-feira, 6 de outubro de 2009

Começa em novembro a Piracema nos rios de Mato Grosso

Edição: Meider Leister


O período proibitivo de pesca - piracema - deve começar mês que vem. As datas de início e término ainda serão confirmadas mas deve seguir o mesmo cronograma dos anos anteriores quando tradicionalmente encerrava em fevereiro. No próximo dia 22 uma reunião do Consema - Conselho Estadual do Meio Ambiente - na capital deve acertar os últimos detalhes.

A medida tem como finalidade assegurar a reprodução dos peixes nos rios das diferentes bacias. De acordo com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente, durante o período de piracema a pesca fica proibida no Estado, inclusive na modalidade "pesque e solte", sendo permitida somente a científica, desde que autorizada pelo órgão competente.

A pesca de subsistência desembarcada, praticada artesanalmente por populações ribeirinhas com a finalidade de garantir a alimentação familiar, sem fins comerciais, fica assegurada.

Ano passado pesca nos rios de Mato Grosso foi proibida a partir de 1º de novembro na bacia do rio Araguaia e a partir do dia 5 do mesmo mês, nas bacias dos rios Paraguai e Amazonas. O período de defeso se estendeu até 28 de fevereiro.

No rio Paraguai (em toda a sua extensão dentro do território de Mato Grosso) e em mais cinco afluentes - os rios Cabaçal, Jauru, Sepotuba, Padre Inácio e Formoso – foi prorrogada, por decisão da Justiça Federal, a proibição de pesca por mais 30 dias.

Seja o primeiro a comentar

Copyright© 2008-2015 | AGUA BOA NEWS COMUNICAÇÃO LTDA Todos os direitos reservados | By: MICHEL FRANCK

Início