domingo, 27 de fevereiro de 2011

Tartaruga bota mais de cem ovos na praia mais movimentada do Recife

Para a surpresa dos especialistas, a tartaruga invadiu a praia de Boa Viagem, que estava lotada, e colocou os ovos; um ambientalista acampou na praia para vigiar o ninho

Fonte: G1
Uma tartaruga marinha se misturou à multidão e botou mais de cem ovos na praia de Boa Viagem, a mais movimentada do Recife. Agora, banhistas e ambientalistas estão fazendo de tudo para proteger o ninho.

A tartaruga chamou a atenção de quem passou pela praia. Em um local improvável, isolado por fitas e cercado de curiosos o dia todo, uma cabeçuda deixou mais de cem ovos.

“Se fosse em Fernando de Noronha, seria uma coisa normal, mas aqui, realmente, é uma coisa bem diferente, bem especial”, admitiu um homem.

As tartarugas marinhas preferem esperar o anoitecer para desovar. É quando a areia não está tão quente e a escuridão protege dos predadores. Mas não foi o que aconteceu desta vez, para surpresa e preocupação dos especialistas.

Ela chegou devagarinho debaixo de um sol escaldante do início da tarde e foi cumprir seu destino: cavou, botou os ovos, enterrou e partiu exausta em direção ao mar. Mas o ninho ficou numa área atingida pelas marés mais altas que podem desenterrar os ovos.

“Devido ao horário muito quente, certamente ela ficou muito estressada, muito exaurida e não conseguiu chegar ao local onde pretendia”, disse a bióloga Rosilda Barreto dos Santos.

Uma força-tarefa foi convocada para proteger o ninho. A brigada ambiental faz o policiamento. O ambientalista Adriano Artoni está no local desde a desova e resolveu acampar na praia pra vigiar o ninho.

“A gente vai se virando aqui aos poucos, com pouca água. Tem gente que passa aqui e me cede água, às vezes um prato de comida e vou vivendo aqui até o nascimento dos filhotes”, afirma.

A barricada com sacos de areia não foi suficiente pra conter a ação das marés. A operação de salvamento transferiu os 126 ovos para uma área mais segura.

“Todo o esforço pela natureza, com certeza vale a pena”, afirmou um homem.

A proteção é bem-vinda. De cada mil filhotes de tartarugas marinhas, apens um ou dois chegam até a idade adulta.

Seja o primeiro a comentar

Copyright© 2008-2015 | AGUA BOA NEWS COMUNICAÇÃO LTDA Todos os direitos reservados | By: MICHEL FRANCK

Início