terça-feira, 14 de julho de 2009

Serra lidera corrida ao Planalto; Heloísa é mais rejeitada

Pesquisa realizada pelo instituto Mark em Varzea Grande aponta que o tucano José Serra seria o mais votado no município, caso as eleições para a escolha do sucessor do presidente Lula (PT) fossem hoje. Numa simulação com os nomes de quatro possíveis candidatos, da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff (PT), do deputado federal Ciro Gomes (PSB), e da ex-senadora Heloísa Helena (Psol), Serra dispara na liderança. Chega a 42,5% de preferência. A petista, que conta com o apoio de Lula na empreitada rumo ao Palácio do Planalto, aparece em segundo lugar, com 19,4%. O deputado socialista figura na terceira colocação, com 13,1%. Heloísa Helena é lembrada por 6,3%. O índice de eleitores indecisos é de 15,1%. Outros 3,7% disseram que votariam em branco ou nulo.

A margem de erros é de 5 pontos percentuais para mais ou para menos. Os pesquisadores da Mark estiveram em 42 bairros de Várzea Grande no último dia 8. Ouviram 351 pessoas.

Num outro cenário, em que o PSDB teria o governador mineiro Aécio Neves como candidato à sucessão presidencial em substituição a José Serra, a disputa ficaria tecnicamente empatada. Ciro lidera com 24,8% da preferência. Dilma figura na segunda posição, com 22,2% das intenções de voto e 10,3% votariam em Aécio Neves. Heloísa "amargaria" novamente a última colocação, com 8,3%. Ao trocar o nome de Serra pelo de Aécio, o índice de indecisos salta para 30,5%. Os que votariam em branco/nulo somam 4%.

Rejeição

Com o propósito de avaliar o índice de rejeição dos pré-candidatos, a Mark fez também a seguinte pergunta: "Em quem o senhor (a) não votaria para presidente se as eleições fossem hoje?". Na simulação com os nomes de Heloísa Helena, Dilma, Ciro Gomes e José Serra, a ex-senadora do Psol lidera o índice de rejeição com 21,9%, seguida de 16,2% atribuídos a Dilma. Ciro e Serra aparecem tecnicamente empatados no índice de rejeição com 7,7% e 6,8%, respectivamente.

Já num segundo cenário, sem Serra e com Aécio, Heloísa continua com o maior percentual de rejeição: 22,2%. Dilma fica em segundo novamente, com 16%, seguida por Ciro com 7,4% e Aécio Neves, que apresenta o menor índice de rejeição entre os eleitores várzea-grandenses: 7,1%. Os indecisos chegam a 44,2%. (Andréa Haddad / RDNews)

1 Comentário:

Albino disse...

O Brasil precisa de um candidato como "Obama" que detém o conhecimento da realidade do nosso país, mas, além de tudo, empolga a população pelo seu carisma e sua oratória. Só um candidato com estas qualidades será capaz de contrapor à popularidade do presidente Lula que, devido a sua capacidade de comunicação com as massas, está confiante que irá eleger um poste para sucedê-lo.
Serra está no seu limite de intenção de voto, não tem mais margem de crescimento. Se esta pesquisa retratar o restante do pais está claro que a melhor chapa para derrotar a ministra e´ a chapa Aécio e Ciro. A união de um nome forte no Sudeste e um com densidade eleitoral no Nordeste, esta sim poderá ser uma chapa para sepultar, no primeiro turno, o sonho petista de perpetuar-se no poder.

Copyright© 2008-2015 | AGUA BOA NEWS COMUNICAÇÃO LTDA Todos os direitos reservados | By: MICHEL FRANCK

Início