quarta-feira, 23 de setembro de 2009

SBT luta para retornar em Alagoas




Em documento enviado a esta coluna, o SBT informa qual é a ordem dos acontecimentos e como está se colocando diante do rompimento do contrato de afiliação por parte da TV Alagoas, que passou a transmitir a programação da Igreja Mundial do Poder de Deus.

1) O SBT foi comunicado na tarde de sexta-feira (11/09), por e-mail enviado pela TV Alagoas, do rompimento do contrato de afiliação;
2) Em 14/09 (segunda-feira), o SBT ingressou com uma ação cautelar contra a TV Alagoas, para que fosse determinada manutenção dos sinais de televisão gerados pelo SBT. A liminar foi concedida pelo Juízo da 21ª Vara Cível do Foro Central de São Paulo, sendo determinado o cumprimento sob pena de caracterização do crime de desobediência;
3) Na mesma data (14/09) foi enviada a carta precatória para Maceió, para a intimação da TV Alagoas da decisão judicial;
4) A TV Alagoas foi intimada da decisão judicial na tarde de 15/09 (terça-feira), quando deveria ter retornado à transmissão dos sinais de televisão do SBT;
5) Pelo que temos conhecimento, a TV Alagoas não retornou a transmissão dos sinais do SBT, o que tipifica o crime de desobediência à ordem judicial;
6) Estamos aguardando o retorno da carta precatória, para requerermos a instauração de procedimento criminal contra a direção da TV Alagoas, pela prática do crime de desobediência.
Esta coluna procurou, de todas as maneiras, ouvir o que a direção da emissora alagoana tinha a dizer sobre o assunto. Foram muitas as ligações e vários recados deixados, mas não houve o interesse em atender ou retornar.

Seja o primeiro a comentar

Copyright© 2008-2015 | AGUA BOA NEWS COMUNICAÇÃO LTDA Todos os direitos reservados | By: MICHEL FRANCK

Início