segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Dengue volta a apresentar elevados índices em Rondonópolis

Por Naila Albuquerque
de Rondonópolis
Publicado por Meider Leister


A sazonalidade da doença se comprova mais uma vez. Depois de um surto de dengue no ano de 2005, nesse ano Rondonópolis volta a apresentar altíssimos índices da doença. Desde o início do ano até a sexta-feira passada (16), já foram registradas 837 casos de dengue de todos os tipos, contra 42 casos confirmados durante todo o ano de 2008.

Do início do ano até sexta-feira (16) passada foram registrados 807 casos de dengue clássica; nove de dengue com complicações; e, 21 de dengue hemorrágica. Ocorreram ainda nesse ano, dois óbitos por dengue hemorrágica. Foram descartados 760 casos e 28 ficaram sem conclusão após realização do exame, ou seja, não foi possível identificar se houve realmente ou não dengue, conforme os dados do Sinan.

Segundo o coordenador de Saúde Coletiva do município, Alencar Libano de Paula os números estão elevados porque era verificado por meio de isolamento viral, que o vírus que circulava na cidade era o tipo 3 e no início desse ano foi constatada a presença dos vírus tipo 1 e 2. Alencar disse que o tipo 2 é o mais agressivo, que leva à dengue hemorrágica.

“Em abril verificamos que os vírus 1 e 2 circulavam na cidade. Esses mesmos tipos de vírus foram detectados primeiramente em Cuiabá e Várzea Grande e como não há uma barreira física entre as cidades, chegou a Rondonópolis. Vai chegar um tempo que as pessoas estarão resistentes ao tipo 2 e não teremos tantos casos de dengue”, explicou ele.

Em 2005, o município também registrou um surto de casos de dengue, que moveu a população em campanhas de limpeza de terrenos e adoção de medidas de prevenção, o que vem sendo feito esse ano também.

Quando profissionais da Secretaria Municipal de Saúde verificam um novo caso de dengue é realizado o isolamento de 14 quarteirões próximos à casa do paciente, para impedir que mosquitos contaminados repassem a doença a outros moradores. A Secretaria trabalha em conformidade com o Programa Nacional de Controle da Dengue, conforme Portaria expedida pelo Ministério da Saúde.

Seja o primeiro a comentar

Copyright© 2008-2015 | AGUA BOA NEWS COMUNICAÇÃO LTDA Todos os direitos reservados | By: MICHEL FRANCK

Início