quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Tartaruga-marinha será devolvida ao mar no Rio de Janeiro

Danielle Jordan / AmbienteBrasil
Edição: Meider Leister às 10h38min


Hoje, 15, será realizada a soltura de uma tartaruga-verde (Chelonia mydas) que foi resgatada pelo Corpo de Bombeiros há cerca de quatro meses, na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro.

Segundo dados do Instituto Ecológico Aqualung, o animal estava debilitado e foi tratado no Zoológico do Rio de Janeiro - Fundação RIOZOO, durante este período. Com a recuperação completa, a tartaruga deve ser devolvida ao mar.

O Instituto foi procurado pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, Ibama/RJ, e providenciou uma embarcação para a soltura do animal, que deve ser realizada nas proximidades das Ilhas Cagarras.

Trata-se de uma fêmea, em idade reprodutiva, medindo cerca de 45 centímetros e pesando 20 kg. A espécie vive geralmente em águas costeiras com vegetação abundante, ilhas ou baías.

A embarcação deve partir da Marina da Glória às 14 horas. Participam da ação IBAMA-RJ, Fundação RIOZOO e Instituto Ecológico Aqualung.

Segundo o biólogo marinho, diretor do Instituto Ecológico Aqualung, Marcelo Szpilman, é comum o resgate deste tipo de animal em todo o litoral brasileiro. Ele orienta quem encontrar uma espécie em perigo a chamar o Corpo de Bombeiros ou o zoológico.
*Com informações do Instituto Ecológico Aqualung.

Seja o primeiro a comentar

Copyright© 2008-2015 | AGUA BOA NEWS COMUNICAÇÃO LTDA Todos os direitos reservados | By: MICHEL FRANCK

Início