sexta-feira, 23 de julho de 2010

Estuprador preso pelo Gaeco vai para Pascoal Ramos

Por Mídia News

Engenheiro Eraldo Carvalho foi preso em MG; ele estuprou e matou menina de 11 há 20 anos

Já está em Cuiabá o engenheiro civil Eraldo da Costa Carvalho, 58, conhecido como "Maníaco do Santa Cruz", preso pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) na manhã de quinta-feira (22), em Juiz de Fora, Minas Gerais.

Carvalho desembarcou na madrugada de hoje, no Aeroporto Internacional Marechal Rondon, em Várzea Grande, e foi levado para o anexo do Presídio Pascoal Ramosa. Ele foi condenado na última sexta-feira (16) a 36 anos de prisão pelo estupro e assassinato da menina Elizângela Maria Geraldino, 11. O crime aconteceu em dezembro de 1990, no bairro Santa Cruz, em Cuiabá.

Segundo o Ministério Público, o engenheiro estava em Juiz de Fora desde 1995. Ele morava sozinho em um apartamento próprio, no bairro São Benedito, considerado um dos mais violentos da cidade mineira.

Em Minas Gerais, o engenheiro era membro da congregação evangélica Cristã do Brasil e, praticante assíduo, não levantava suspeitas entre as pessoas que o conheciam. Exercia a profissão de fotógrafo e sobrevivia com renda de aluguéis de alguns imóveis em Cuiabá. Ainda segundo o Gaeco, pelo menos uma vez por ano, ele recebia visitas de familiares da capital mato-grossense.

A Polícia chegou até o Eraldo por meio de investigações do Serviço de Inteligência. Há cerca de um mês, a 1ª Vara Criminal de Cuiabá informou ao Ministério Público de Mato Grosso que o engenheiro poderia estar em Mato Grosso do Sul.

Agentes do Gaeco foram até aquele Estado e descobriram novas pistas que indicavam que o réu estava em Juiz de Fora. Um dos vestígios foi um pedido de isenção de Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), feito pelo réu junto à Prefeitura da cidade mineira.

Com informações da TVCA

Seja o primeiro a comentar

Copyright© 2008-2015 | AGUA BOA NEWS COMUNICAÇÃO LTDA Todos os direitos reservados | By: MICHEL FRANCK

Início