segunda-feira, 10 de março de 2014

Maior aeronave do mundo deve começar a voar em 2015

O Airlander, um dirigível gigantesco, poderá transportar 5 toneladas de carga gastando metade do combustível que gastaria uma avião 
Fonte: Exame
 Airlander: O dirigível está em fase de testes

São Paulo – É um avião? É um balão? Bem, é um pouco de cada um. A companhia britânica Hybrid Air Vehicles está desenvolvendo o que será a maior aeronave do mundo, o dirigível Airlander. De acordo com as previsões da empresa, os primeiro voos oficiais podem acontecer já no início de 2015.
O Airlander começou a ser desenvolvido pelo exército americano. Devido a cortes no orçamento, no entanto, o projeto foi deixado de lado. Alguns anos depois, a britânica HAV aproveitou para continuar com o desenvolvimento da aeronave.
Seus números são impressionantes. Ela tem 91 metros de comprimento, 34 metros de largura e 26 metros de altura. Ela ganharia por sete metros da Antonov Mriya, o maior avião do mundo.
Para se manter no ar, a Airlander utilizar gás hélio, o mesmo que é empregado em balões que enfeitam festinhas infantis. Além disso, o formato da fuselagem também gera sustentação durante o voo.
Por isso, a HAV o descreve como uma aeronave híbrida, com propriedades de um dirigível e de um avião. Segundo a empresa, o voo seria ecologicamente correto, já que o Airlander não queima combustível para se manter no ar como fazem os aviões.
O combustível seria empregado apenas para impulsionar a aeronave, que deve consumir a metade do que gastaria um avião de mesma capacidade. Há planos para adotar o hidrogênio como combustível em alguns anos. Com isso, o consumo pode cair para um sexto do gerado por um avião de carga.
Com o Airlander, seria possível fazer viagens muito longas carregando cargas extremamente pesadas. O dirigível poderia voar com mais de uma tonelada por 21 dias sem precisar aterrissar para abastecimento de combustível. Ou transportar 5 toneladas de material em voos não tão longos.
Outro benefício do uso do dirigível é que ele pode pousar em qualquer superfície minimamente lisa. Água, gelo ou pistas curtas de pouso podem ser aproveitados.

Seja o primeiro a comentar

Copyright© 2008-2015 | AGUA BOA NEWS COMUNICAÇÃO LTDA Todos os direitos reservados | By: MICHEL FRANCK

Início