terça-feira, 13 de abril de 2010

Jornalista brasileiro é atacado por homens armados na África do Sul

Por Brasil Imprensa

O jornalista Cristiano Dias, enviado especial à África do Sul pelo jornal O Estado de S.Paulo, foi atacado por nove homens armados na tarde do último sábado (10), no centro da capital Johannesburgo.

"Fui atacado por nove homens armados que me jogaram ao chão. Levaram documentos e dinheiro, mas me deixaram a vida", escreveu o jornalista em matéria ao Estadão.com.br.

Diante do ataque, Dias questionou em seu texto se o país sul-africano está pronto para receber, dentro de sessenta dias, a Copa do Mundo de Futebol.

O jornalista avalia que os conflitos sociais do país - resultado da proximidade de eventos controversos que rememoram o apartheid e o debate sobre segregação racial - tornam "o clima pesado", reprimindo perspectivas de que as festividades típicas de uma Copa invadam as ruas sul-africanos. "O Mundial enriqueceu poucos. Ou, como me disse um sujeito na fila de um banco:A Copa está chegando, mas e daí?", descreveu Dias.


Seja o primeiro a comentar

Copyright© 2008-2015 | AGUA BOA NEWS COMUNICAÇÃO LTDA Todos os direitos reservados | By: MICHEL FRANCK

Início